PROJETO PEIXE VIVO – APRENDENDO ATRAVÉS DA MUSICA

“QUEM CANTA SEUS MALES ESPANTA”

Segundo alguns folcloristas, várias são as origens dos brinquedos e rodas cantadas. Alguns provieram de danças e jogos de adultos, outros nasceram de história infantis e de cenas cotidianas. A formação de nossa população, para a qual contribuíram inicialmente três elementos étnicos: o índio, o português e o africano – influenciou a própria música brasileira e, como não poderia deixar de ser, as cantigas de roda. Oriundas de formas diversas, transmitidas de geração a geração, sofrendo modificações determinadas pela rítmica brasileira, foram se adaptando entre nós e automaticamente se incorporaram ao nosso patrimônio folclórico.

Um pouco de história enriquece o cotidiano escolar através de excelentes recursos lúdico-pedagógicos.

Vamos cantar esta musiquinha que anima toda criançada:

COMO PODE O PEIXE VIVO
VIVER FORA DA ÁGUA FRIA
COMO PODE O PEIXE VIVO
VIVER FORA DA ÁGUA FRIA.

COMO PODEREI VIVER
COMO PODEREI VIVER
SEM A TUA, SEM A TUA
SEM A TUA COMPANHIA
SEM A TUA, SEM A TUA
SEM A TUA COMPANHIA.

OS PASTORES DESTA ALDEIA
JÁ ME FAZEM ZOMBARIA
OS PASTORES DESTA ALDEIA
JÁ ME FAZEM ZOMBARIA

POR ME VEREM ASSIM CHORANDO
POR ME VEREM ASSIM CHORANDO
SEM A TUA, SEM A TUA
SEM A TUA COMPANHIA
SEM A TUA, SEM A TUA
SEM A TUA COMPANHIA.

Dica: Como atividades podemos pedir para os alunos das séries iniciais fazerem uma pesquisa sobre os peixes mais interessantes, trabalhar com os pequenos as cores dos peixes, sucatas, recortes e colagem, seguem abaixo atividades e ideias para trabalhar com projeto peixe vivo.

ATIVIDADES DIVERSAS PARA TRABALHAR COM PROJETO PEIXE VIVO:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s